05/12/2017 - 04h41

DP World compra fatia de 66,7% da Odebrecht na Embraport

Fonte: Valor Econômico

 
A operadora DP World, de Dubai, adquiriu a fatia remanescente de 66,7% até então detida pela Odebrecht na Embraport. Com a compra, a DP World passa a ser dona de 100% da Embraport, que será rebatizada como DP World Santos. DP World e Odebrecht já eram sócias na Embraport desde 2009.
 
A venda da fatia da Odebrecht Transport (OTP) na Embraport englobou assunção da dívida do negócio mais um valor para o caixa da OTP. O valor que entrou no caixa da OTP, contudo, não foi revelado. A Embraport encerrou 2016 com dívida financeira de R$ 1,86 bilhão. “Não podemos revelar quanto foi, mas entrou dinheiro no caixa que será utilizado para reforçar a estrutura de capital da OTP”, disse em entrevista exclusiva ao Valor a presidente da empresa, Juliana Baiardi.
 
Conforme o comunicado da DP World, grupo listado na bolsa de Dubai, a aquisição custou menos de 5% do patrimônio líquido do operador mundial de portos dos Emirados Árabes, que fechou o primeiro semestre em US$ 10,8 bilhões.
 
A companhia destacou ainda na nota que a Embraport é o principal terminal multimodal brasileiro operando no porto de Santos, com capacidade de manejo de 1,2 milhão de Teus (contêiner padrão de 20 pés).
 
“[Com a aquisição] a DP World tornou-se um dos principais operadores do setor de infraestrutura da América do Sul com uma rede de terminais de contêineres no Peru, República Dominicana, Argentina, Equador e Suriname”, afirmou o sultão Ahmed Bin Sulayem, diretor-executivo da DP World, em comunicado.
 
Imprimir Indique esta notícia Comente

« Voltar
  • Banners
  • Banners
  • Banners

Galeria de imagens

Greve Grupo Rodrimar

Ver todas